BEM-VINDOS AO BLOG, VISITEM TAMBÉM AS MÍDIAS SOCIAIS DECORA INTERI

Orquídeas que florescem em setembro

Ao escolher o que vai cultivar, dê preferência a espécies adaptadas a sua região. Como as orquídeas florescem apenas uma ou duas vezes por ano, é interessante possuir várias espécies diferentes (cujo ciclo de floração costuma ser também diferente). Isso aumenta as chances de ter sempre alguma planta florida.Embora, as orquídeas cresçam principalmente sobre as árvores, elas não são plantas parasitas. A orquídea usa a árvore apenas para conseguir a luz solar.



 As orquídeas podem ser terrestres, arbustivas, litófitas (crescem em pedras), psamófitas (crescem na areia), saprófitas (crescem na turfa e em áreas com grande material em decomposição) e aquáticas (as mais raras). Há até uma espécie subterrânea na Austrália. A maior orquídea em comprimento é a Vanilla pompona, com cerca de 20 metros.





A menor é a Barbosella miersii. A única aquática conhecida é a Habenaria repens da Costa Rica. A que tem poder anticoncepcional é o Cymbidium madildum da Austrália. A que tem uma cauda com 45 centímetros é o Angraecum sesquipedale.

A orquidea que possui a maior flor é a Cattleya warneri com 25 centímetros de diâmetro. A que exala o pior aroma é o Pleurothallis foetens. Um exemplar de Aerides odoratum já existe desde 1792. fonte: coisasdaterra.com.br

Plantas que florescem este mês

Cattleya intermedia

Coelogyne cristala

Dendrobium agregatum

Dendrobium nobile

Dendrobium glumaceum

Epidendrum stamfordianum

Lonopsis paniculata

Rodriguezia bracteata