BEM-VINDOS AO BLOG, VISITEM TAMBÉM AS MÍDIAS SOCIAIS DECORA INTERI

Lavanda - Lavandula angustifolia


Lavanda - Lavandula angustifolia



Um belo jardim  e ainda por cima perfumado, aposto que era a sugestão que você procurava. Muitas vezes as pessoas procuram por várias espécies de plantas antes de começar a montar o jardim e acabam se esquecendo de plantas tão comuns e de simples manutenção,é o caso da lavanda. 




Vamos conhecer um pouco mais sobre esta planta tão perfumada.

 LAVANDA é nativa das Ilhas Canárias e sul da Europa. Essas flores são característica marcante do Mediterrâneo. Bem famosa por ser utilizada nos mais renomados cosméticos de Provence, França. De cor púrpura floresce entre os meses de junho e agosto e seus  maiores produtores são a Bulgária, França, Grã-Bretanha, Austrália e Russia.



As lavandas datam de 1700. Elas existiam nos jardins botânicos da Nova Inglaterra. O Presidente Thomas Jefferson e o presidente George Washington as cultivavam nos seus jardins pessoais. As lavandas originaram-se na Europa e Ásia.



Uma curiosidade: a lavanda é muito utilizada na indústria cosmética, aromatizante e é também responsáveis pelo melhor mel do mundo. As abelhas que se alimentam do néctar da lavanda produzem mel de maior de qualidade.
Podem ser cultivadas em solos pobres em nutrientes, mas precisam passar por períodos de frio para florescerem, o Brasil não possui clima adequado para o cultivo.
As lavandas possuem muitas variedades,mais de 250,  mas a rosa e a roxa são as mais conhecidas. 



Crescimento:  plantas anãs até 1 ou 2 metros;  já as variedades grandes crescem até 8 metros. 

Dicas para o plantio da lavanda.

Plante na primavera, mas em climas com invernos bem rigorosos, é recomendado  plantar no outono.
Para plantá-las espace as mudas de  lavandas em 1,5m. Certifique-se que é uma área ensolarada, com pelo menos 6 horas de sol diárias.
Regue abundantemente até primeira floração.

Cuidados

Com as pragas. Brocas do caule fazem buracos na planta, deixando para trás serragem, coincidindo com o novo crescimento, causando distorções que só podem ser vistas quando analisadas perto da folha.
Distorções são causadas por condições climáticas e a proliferação de mofo no final do verão.

Na decoração podem ser usadas em vasos, cachepôs, velas aromáticas, e no jardim em canteiros ou maciços. Veja algumas boas ideias para usar a bela lavanda.